como posso estar tão calma?

segunda feria foi a despedida da Rubi, a intercâmbista das Filipinas que estava aqui no Brasil. Acho que minha ficha não vai cair até o momento em que eu não ver mais ela lá no Rotary Club. E tão, tão tão estranho. Tipo, imagina tu conviver um tempão com uma pessoa muito querida, e… ter que se separar dela.
E tem outra coisa, falta pouco pra mim ir pro méxico, e eu me sinto tão atrasada e as vezes penso “nossa, eu preciso terminar isso, fazer aquilo, e aquilo, ir lá e tals”. Muita coisa, e parece que não tem nada pronto. Paciencia, eu sempre digo. e minha preguiça ajuda preciso admitir.
Eu desaprendi a escrever. denovo. preciso escrever mais aqui, e bem, vou tomar vergonha na cara e voltar a ser aquela menina exemplar que tinha a alguns posts atrás…

Pois bem, o titulo do post é em relação a como eu não estou pirando, a como não caiu a ficha que a Rubi vai embora, e pra dizer que eu estou com muita vontade de embarcar LOGO para o México.

Anúncios
Etiquetado , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: