Arquivo da tag: férias

75 horas

Antigamente eu escrevia melhor, conseguia ser bem mais dramatica sei lá. Mais sentimental agora tudo parece forçado e acho que é porque o drama é real. Mais 75 para uma nova vida.

De todos os momentos que tive muitos são bons, alguns nem tanto, mas os momentos em que estive com minha família e amigos, a nossa típica rotina foram os quais eu mais vou me lembrar, a rotina que eu costumava ter talves eu não sinta falta de muitas coisas. Mas dessas pessoas eu vou sentir falta, talvez nem tanto porque estavamos sempre juntas, mas as pequenas atitudes que faziam delas unicas, que me faziam admira-las.
Meu irmão, pai e mãe. Meus amigos e colegas. As parcerias pra dar risada, jogar uno, dorminhoco.
Obrigada.

Cada um daqueles que passaram pela minha vida de fizeram crescer e amadureçer o suficiente para poder estar aqui nesse momento.
Meu intercâmbio é apenas o começo.
Obrigada.

Sinceramente a palavra saudade não é minha palavra favorita. Vivemos em um mundo onde a internet nos impede de sentirmos saudade, de não ter noticias de alguém. Eu não sentirei saudade, vou sentir falta de ter você perto. Mas é temporário em mais ou menos 7440 horas eu já vou estar voltando.
Queria nessas 75 horas que faltam pra mim embarcar que tudo fosse sei lá kkk. São 75 horas em que vou me preparar ainda mais pra nas próximas 7440 não sentir tanto a falta dessas pessoas que eu amo.
Obrigada.

Em 75 horas eu vou conhecer um pouco do meu futuro, e estou muito animada. São 75 horas para o começo da minha nova vida, da minha vida de intercâmbista.

Pra quem quizer, amanhã dia 6 sinta-se convidado a participar da minha despedida no rotary. foi algo pelo qual eu batalhei muito e hoje, daqui 75 horas, se tornará o sonho realizado
beijos e abraços

uns loco cantando sábado de sol no kamikase. kkkk

Etiquetado , , , , , , , , , ,

Último post de férias

Uma coisa eu posso falar concerteza, escrever do noot alheio é uma merda.

A saudade bateu e eu aproveitei muito, tirei minhas férias pra descansar e me divertir. Espero que voce que esteja lendo tenha feito o mesmo (e não esteja se importando com a falta de acentos em algumas palavras), notei que não existe coisa melhor, na vida do que estar rodeado de pessoas que te amam,e que mais importante de tudo, estaram ao seu lado voce errando ou acertando.

Eu aprendi da pior maneira possivel a valorizar meus pais,e tenho que agradecer muito a eles.

Aqui sentada no sofá, me apurando pra terminar esse post, assistindo Friends posso dizer concerteza. BEST VACATIONS EVER UHUU! (melhor férias de todas uhuu!)

beijos, tenho que pegar um onibus…

fica ai pra voces escutarem a música (com um refão super conhecido), marcou meu feeling nas últimas semanas… Se isso te faz feliz, porque voce continua triste? ♪

Etiquetado , , ,

E se fosse verdade…

É o nome do filme que eu assisti agora a pouco. Os atores são ótimos, mas ainda sim é aquele tipo de filme que mesmo se fosse com uma ator e uma atriz desconhecido seria ótimo. Eu já tevo ter assistido eles mais de três vezes, quantidade suficiente pra enjoar de um filme e também pra decorar um.

A mocinha do filme é médica, eu tenho pensado muito na carreira de medicina, mas as vezes penso: que bobagem, em geral eu tenho pensado muito no que eu quero fazer de faculdade, PQP é muito difpicil, stressante e eu me cobro demais, não quero errar. No momento parece que eu estacionei, se bem que férias são isso, periodo pra parar descansar, mas não deveria ser pra pensar, não. Um carinha no filme fala que não é prudente navegarmos na nossa mente sozinhos, e é isso que resulta ficar muito tempo sem fazer nada.

Eu tenho feito muita coisa, mas ainda sim sobra tempo, aushausha, mamãe foi cuidar da minha vó e estamos sem ela pra lavar roupa, arrumar a casa, gritar comigo, fazer almoço… então eu estou me virando fazendo as coisas que ela costuma fazer, e por incrivel que parece tenho me saido muito bem na função, me sinto tão orgulhosa disso. hehe. Por mais que ela ligue de 5 em 5 minutos, ainda sim sinto falta dela.

Voltando ao filme, o mocinho do filme, o Sam, bem ele é todo fofo aushausha, claro que não vem ao caso mas ele estacionou também, triste ele procura um lugar aconchegante pra afogar as magoas depois de (anos que) perder a mulher, mas então tem o “fantasma” da Elizaabeth, blá blá blá, no final de um modo ou de outro eles eram pra ter se conhecido, eles estavam destinados blá blá blá, felizes para sempre, mas e depois dos créditos como seria a história deles?, viveram uma coisa meio que sobrenatural se apaixonaram crianram esse vinculo, mas foi só isso, como vai ser depois? Agora que eu já exprimi minha revolta, posso dizer a finalidade de tudo isso, Elizabeth antes do acidente tinha uma vida voltada para o trabalho, e pelo que da a entender ela não era triste, mas nada dizia que ela era feliz, na verdade não tem finalidade, o filme é isso mesmo, um romance, um romance ao qual eu não ficaria triste de viver.

E se fosse verdade… muito bom o filme,

quando não estou com você, é como se não existisse

E tem também uma música, que eu tenho escutado nas férias por causa da letra, que eu gostei muito e não porque tem a ver com o que estou sentindo, não.

Eu escutei a primeira vez num episódio de Cold Case (Arquivo Morto no SBT), é tipo CSI, mas eu gosto mais desse porque, sei lá, é mais tocante e ele voltam no tempo, o que eu nem gosto né… no final sempre tem uma música boa também…

Espero que gostem, e que não me achem psicicológicamente louca.

Beijocass

Etiquetado , , , , ,

Férias, vacation, vacaciones…

Depois de um natal chuvoso, um ano novo com cara de páscoa e muito tempo sem internet aqui me encontro relatando particialmente minhas férias.
Bem, my happy new easter foi em Santa Maria, foi muito legal, tava tudo muito lindo, minhas férias foram lindas, lugares lindos, pessoas lindas, coisas lindas, tudo tudo lindo. Tinhamos saído de São Borja dois dias para 1 de janeiro, ficamos em um dos lugares mais lindos que eu já em Santa Maria, na fazendinha de uns parentes, dois dias depois estavamos saindo sem rumo pré-definido, o plano era pega a Maria Eduarda no posto mas alguns imprevistos ocorreram. Seguimos rumo a minha prima Débora em Igrejinha, passamos o dia lá e pela noite fomos a Gramado, de manhã comprei um chaveiro no lago negro, tomamos um café Chic (ou seja, refinado, não tão bom hehe) e fomos ao Zoo, foi uma das melhores coisas que já fiz. De lá PRAIA!!!
Vou precisar de mais tempo pra relatar a meu outside the world, ontem fomos ao Aqua’ Lokos, muito americanizado na minha opinião, mas muito divertido também. Estou nesse momento em São Marcos, aqui é MUITO ALTO, topo da serra gaúcha, tava molinha ontem acho que por conta da altitude. Fica a 15 minuitos de Caxias do Sul para uns tios aqui que andam bem rápido, uahsauhsa. Tô com uma menina muito linda que me cedeu o coputador dela. Bem é isso. Não esperem notícias.

BEIJOCASSSSSSSSSSSSSSSSS

Etiquetado